Olá! Seja Bem Vindo Ao Indie Rock N Roll!!


Comente os posts que achar interessantes, fique a vontade!!



Expresse já sua opinião!!


Aviso Importante!

O Indie Rock N Roll não se responsabiliza pelos atos de seus usuários perante aos downloads que são realizados pelos mesmos!
O Blog disponibiliza os downloads que se encontram em hosts gratuitos pela web (Nenhum dos arquivos se encontram em hosts privados ou pagos!)
As Discografias e arquivos avulsos são únicamente para a promoção e divulgação de tais artistas.
Que fique claro que não somos a favor da pirataria!
Pedimos que após 24 horas do download, que deletem o mesmo!!

Grato pela compreensão de todos!

INDIE ROCK N ROLL

Ultima Discografia Adicionada: Warpaint, Tripwires, Beach Fossils, Wild Nothing, Alvvays, The Horrors e The Virgins.

Ultima Discografia Atualizada: The Futureheads, The Vines, Pixies e The Killers.

sábado, 2 de abril de 2011

Recomendação da Semana - Travis (por Katherine Moreira)


Fala, galera. A banda de hoje foi escolhida por pedidos na shoutbox indie do blog e, decidi recomendá-la por também simpatizar muito com a discografia deste artista.

É um grupo escocês que produz música no mais homenageado estilo britpop, que surgiu oficialmente no ano de 1999 e está ativa até os dias de hoje. É formado oficialmente por Neil Primrose (baterista), Fran Healy (vocalista), Andy Dunlop (guitarrista) e Dougie Payne (baixista).

Travis é constituído por garotos que se formaram na escola de arte de Glasgow e, que como todo ser humano por naturalidade, tinham sentimentos sobre amor que não conseguiam ser expressados através apenas de ações, e sua música fala sobre esse contexto. Fala sobre garotas, álcool, desprezo e não-correspondência amorosa.

Originalmente, a banda foi criada em 1991, com o nome de "Glass Onion", só então mudando para o nome "Travis" em 1994.

Eles possuem seis álbuns oficiais e algumas coletâneas entre "Instrumental" e "Best of". Mudaram deveras a maneira de tocar e de abordar os temas dentro das músicas ao longo dos anos. No primeiro álbum, o nomeado "Good Feeling" é o mais agitado e "revoltado" musicalmente. As batidas são mais fortes e não há muito compromisso com a melancolia. Esse foi realmente um debut de "estourar". Neste álbum encontramos os destaques "Happy", "Good Feeling", e "More Than Us", que rendeu aos caras um grande elogio de ninguém mais, ninguém menos que Sr. Noel Gallagher que se dizia um atencioso fã sobre sua música.

O grupo vai entre extremos quando o assunto é composição. Na discografia, podemos perceber destacadamente as diferenças entre o começo e o resto da carreira. Nos álbuns seguintes é muito forte a marca da tristeza e da melancolia, e de letras que se impõem pelo sentimento de "fossa" que transmitem aos ouvintes.

O álbum "The Man Who" abriga alguns dos maiores singles da banda, além de ser um dos melhores e agradáveis álbuns de se ouvir. Canções como "Why does it always rain on me?", "Driftwood" e "Writing to reach you" recheiam este belo exemplar do que o Travis representa. Aliás, "Writing to reach you" virou polêmica entre muitos por sua introdução ser exageradamente semelhante com "Wonderwall", do Oasis. Ao ser questionado, Fran Healy disse tranquilamente que música são apenas acordes e que estes podem se repetir descompromissadamente.

"The Invisible Band" contém o maior sucesso deles, chamado de "Sing" e é igualmente sentimentalista ao anterior. Os álbuns seguintes "12 Memories", "The Boy With No Name" e o mais recente "Ode do J.Smith" de 2008, seguem a linha que foi firmada no segundo álbum, sendo este último um álbum muito rápido de se ouvir, não tendo feito tanto sucesso quanto os anteriores, mas pode-se dizer que é uma obra incompreendida.

Para vocês se situarem melhor e compreender do que se trata a música do Travis, o som deles se assemelha ao som do Keane, Starsailor, Coldplay e Oasis.

A discografia se compreende por:

Good Feeling (1997);
The Man Who (1999);
The Invisible Band (2001);
12 Memories (2003);
The Singles (coletânea best of) (2004);
The Boy WIth No Name (2007);
Ode to J. Smith (2008).


Sing



Why Does It Always Rain On Me?



Driftwood



Writing to Reach You




Mais informações:

Site Oficial

MySpace

Last.fm

Até a próxima, campeões.

5 Comentários

Mr. CAião disse...

Boa indicção, curto essa banda tem uns 5 anos!É uma das minha favoritas!

Israel disse...

Caracas, Travis é muuuito bom, estava escutando bem na hora que entro aqui no blog para ver as novidades.
O Album "The Boy With No Name" é o mais foda na minha opnião, destaque para closer, one night e batleships.

Alex Bruno da Veiga Guimarães disse...

Nunca ouvi

Alex Bruno da Veiga Guimarães disse...

Nunca ouvi

Giovanni Sandrin disse...

Fiz o download da discografia, ótima banda! Ótima indicação, valeu ;)